INCÊNDIOS DEFLAGRAM EM CHAINÇA (ABRANTES) – FUNDADA (VILA DE REI) – MOSTEIRO E ROLÃ (SERTÃ)

O inicio desta tarde revela-se propicio ao surgimento de focos de incêndio, com as temperaturas altas e vento a soprar moderado, os mesmos deflagram em Chainça (Abrantes) pelas 14:01 Horas, em Rolã (Sertã) pelas 14:47 horas, em Fundada (Vila de Rei) pelas 14:50 horas e em Mosteiro (Sertã) pelas 15:01 horas, todos em povoamento florestal, com as forças da Protecção civil a ocorrerem às várias solicitações com prontidão.

Imagem Ilustrativa | DR

 

Com o calor a apertar e as temperaturas a estarem mais elevadas, estando algumas zonas do território português em risco de incêndio elevado foram condições propicias para a propagação de incêndios.


No concelho de Abrantes deflagrou incêndio em zona de povoamento florestar, perto da localidade de Chainça pelas 14:17 Horas, com o mesmo a ser controlado pelas 14:32 horas.


No local estiveram no combate às chamas, 49 recursos humanos, apoiados por 7 meios técnicos terrestres e um meio aéreo. Está agora em fase de vigilância.



Incêndios 20/07/2019 – Imagem: J. Marchão

 

No distrito de Castelo Branco, no concelho de Vila de Rei, perto da localidade da Fundada, o incêndio teve inicio pela 14:50 horas também em zona de povoamento florestal, mas com maior proximidade a habitações, estando envolvidos neste combate 611 meios humanos apoiados por 188 meios terrestres e com a ajuda de 4 meios aéreos.


Este incêndio está a causar algumas preocupações com localidades já evacuadas por precaução e o mesmo já se estendeu ao concelho vizinho de Mação.

Já no concelho da Sertã, na localidade de Rolã, o mesmo deflagrou pelas 14:47 horas, com o combate às chamas a serem efectuados por 293 meios terrestres, apoiados por 91 meios terrestres e 9 meios aéreos.


Ainda deflagram chamas em Várzea dos Cavaleiros, onde no combate às chamas estiveram presentes cerca de 125 meios humanos, apoiados por 75 meios terrestres e 8 meios aéreos, com estes a abandonarem o local pelas 21:00 horas devido à fraca visibilidade e ao anoitecer.

Outras frentes estiveram activas em zonas de povoamento florestal em Catadinha e Pombas (Sertã), com as chamas deflagram pelas 17:33 horas, onde estiveram, 296 meios humanos terrestres, apoiados por 75 recursos técnicos terrestres e 9 meios aéreos. Estando os mesmos já em fase de conclusão, estando apenas a ser vigiados.



Incêndios Vila de Rei/Sertã 20/07/2019 | Foto; J. Marchão



—-

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.