Futebol Feminino | Com a visão de ANDREIA NORTON

Dando continuidade ao incentivo para a prática do Futebol Feminino em Portugal e pedindo o contributo de quem anda nestas andanças já há algum tempo e com sucessos obtidos, com o intuito de desenvolver e creditar cada vez mais esta modalidade no feminino vamos dar seguimento a este périplo.

Desta feita a entrevistada é: ANDREIA NORTON

 

Andreia Alexandra Norton, tem 20 anos de idade, é natural de Ovar e celebra o seu aniversário a 15 de Agosto.

A sua posição habitual de eleição é a de Avançada, mas também pode actuar como média ofensiva como no seu actual clube e Seleção Nacional. É Internacional A por Portugal, e representou nesta época 2016/2017 a equipa do SC Braga, Vice-Campeã Nacional e finalista vencida da Taça de Portugal.

Iniciou o seu percurso futebolístico no CD Furadouro, Ovar com apenas 7/8 anos, sendo a única rapariga a competir junto com os rapazes.

Em 2009/2010, com 13 anos de idade, joga na UD Oliveirense, mudando-se na época seguinte para o FC Cesarense, onde permaneceu até à época 2012/2013. Foi nesta última que rubricou excelente trabalho marcando 12 golos em 11 jogos efectuados.

 

Cesarense FC

 

Depressa despertou a cobiça de outros clubes, tendo ingressado na época 2013/2014, no Clube Albergaria, que disputava o Nacional de Futebol feminino, com apenas 16 anos, ficando duas temporadas.

 

Nas 2 épocas que esteve no Clube Albergaria, foi vencedora do Prémio de Melhor Jogadora do Campeonato Nacional.

 

 

Em 2015/2016, foi representar o FC Barcelona, e em terras de Nuestros Hermanos, ajudou o clube a ficar na 2.ª posição do Campeonato Espanhol e participou também na Liga dos Campeões da UEFA, chegando aos Quartos de Final da Prova perdendo para o PSG de França.

Na época que findou, abraçou o novo projecto de Futebol Sénior Feminino do SC Braga, participando em 15 jogos da equipa, fazendo 1 golo.

Andreia Norton/SC Braga

 

Pela Seleção Nacional de Portugal, conta já com 29 internacionalizações, sendo que a primeira foi pela Seleção de SUB 19 em 2012 frente ao País de Gales no apuramento para o Campeonato da Europa Realizado na Turquia, vencendo em Castro Verde por 1-0, e melhor na podia ser pois entrou como suplente no jogo e quando foi chamado ao relvado, fez o golo da vitória Portuguesa.

Andreia Norton/Portugal

Tem 25 internacionalizações pela Seleção de SUB 19 e pela Seleção A, conta com 4, participando no apuramento histórico da nossa Seleção Feminina para a fase final do Campeonato da Europa 2017, sendo a marcadora do golo frente à Roménia, que originou este feito histórico para o Futebol Feminino.

Recentemente venceu o prémio Quinas de Ouro, de Jogadora Revelação do Ano atribuído pelo Sindicato Jogadores Profissionais de Futebol (SJPF).

Andreia Norton/Quina de Ouro FPF

 

O Seu incentivo a todas as atletas que têm interesse e pensam jogar futebol, perspectivando o futuro é o Seguinte:

 

FFA – O que podes passar no sentido de as atletas levarem a sério a prática do futebol?

Andreia Norton – Embora tenha havido bastantes progressos na igualdade de direitos entre homens e mulheres tanto na vida social como no desporto, nós mulheres somos sempre vistas com alguma inferioridade e desconfiança daí que temos sempre que levar as coisas com a maior seriedade! Para além disso se escolhemos o futebol como modalidade, por norma uma modalidade dita de “homens” ainda mais sérias e “profissionais” devemos ser pois embora tenhamos capacidade e talento, vão sempre “olhar-nos de lado” , então temos sempre que dar o nosso melhor quer nos treinos quer nos jogos para continuarmos a afirmarmos-nos nesta dita modalidade masculina!

FFA – O que te levou a seguir este caminho?

Andreia Norton – A paixão pelo jogo e também porque na rua onde vivia era a única rapariga e como os rapazes jogavam futebol, tive que seguir a “tendência” e adaptar-me! Com o tempo fui desenvolvendo capacidades e gosto pelo jogo e passo a passo fui “subindo” os degraus da modalidade até chegar onde estou hoje, o jogar bola transformou-se em futebol profissional!…

FFA – Quais as perspectivas para o futuro?

Andreia Norton – O futuro é o dia a dia pois ser jogadora de futebol profissional não é tarefa fácil e então aqui em Portugal ainda se torna mais difícil pois não são muitos os clubes que apostam na modalidade a um nível profissional, tal como o SC Braga que oferece condições excelentes as atletas. Hoje tenho o privilégio de fazer do futebol a minha profissão e viver disso mas amanhã não sei!?! Portanto, o futuro é trabalhar sempre mais e melhor e evoluir para conseguir continuar a fazer vida do futebol durante uns bons anos e claro conquistar títulos e troféus quer colectivos quer individuais!..

 

 

O Blog agradece á atleta ANDREIA NORTON pelo tempo despendido com o seu contributo.

MAIS UM EXEMPLO A SEGUIR POR TODAS AS ATLETAS QUE AMBICIONAM OU NÃO ALGO NO FUTEBOL. COM A CERTEZA QUE LEVANDO ESTA MODALIDADE A SÉRIO PODERÃO TER MUITAS ALEGRIAS E NUM FUTURO PRÓXIMO UM HOBBIE/PROFISSÃO DE ELEIÇÃO EM CONSONÂNCIA COM A PRÁTICA DESPORTIVA.

 

 

Texto: Paulo Delfino Cruz
Fotos gentilmente cedidas por Andreia Norton e Google

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.