Futebol Feminino | Joana Marchão e o Sporting CP conquistam a Taça de Portugal e faz a dobradinha

A equipa do Sporting CP, é a grande vencedora da Taça de Portugal ao vencer esta tarde por 2-1 após prolongamento o SC Braga.

A Abrantina Joana Marchão consegue assim em época de estreia no Sporting CP conquistar o Campeonato e a Taça de Portugal (Dobradinha).

Joana Marchão

No Estádio do Jamor, que contou com 12.213 espectadores, batendo assim o recorde de assistências em jogos de Futebol Feminino em Portugal, ultrapassando a Final da Liga dos Campeões disputada o ano passado no Estádio do Restelo, a formação de Lisboa faz a dobradinha, vencendo o Campeonato e a Taça de Portugal.

Este jogo teve também pela primeira vez, honras de transmissão televisiva em directo no Canal 1 da RTP.

Entrou melhor a equipa do SC Braga, pressionando alto, o que fez com que o Sporting não conseguisse fluir o seu jogo.

No minuto 12′, Joana Marchão comete grande penalidade, e aproveita o SC Braga para fazer o 1-0 por Vanessa Marques através do castigo máximo.

 

Vanessa Marques/SC Braga

 

Até ao intervalo o SC Braga teve mais algumas jogadas de perigo, com Patrícia Morais a ter uma excelente defesa antes do final da primeira parte, safando a sua equipa.

O Resultado ao intervalo não merece contestação.

Na segunda parte entrou melhor o Sporting, subindo mais as suas linhas, principalmente Ana Borges que é a jogadora mais irreverente, aos 57′ num lance controlado pela defesa Bracarense, consegue um roubo de bola, entra na área e faz o passe para Diana Silva, que à ponta de lança faz o empate na partida a 1-1, que o Sporting já justificava.

Diana SIlva

Até final houve jogadas de perigo para ambos os lados mas sem resultados práticos.

Já nos descontos o Sporting tem uma soberana ocasião por livre directo à entrada área descaído sobre a esquerda mas na marcação Rita Fontemanha atira muito alto por cima da trave.

Prolongamento bem disputado pelas duas equipas com jogadas de perigo para ambos os lados, Ao Minuto 105′ Rita Fontemanha centra para o coração da área, onde surge Ana Capeta a rematar forte para o fundo da baliza, fazendo o 2-1 para o Sporting, mesmo em cima do fim da 1.ª tempo adicional.

 

Ana Capeta

 

No 2.º tempo adicional o SC Braga caiu em cima da área do Sporting, criando várias jogadas de perigo, mas ora a defesa do Sporting ora a Guarda Redes Patrícia Morais conseguiram evitar o perigo para a sua baliza.

Em cima do tempo o SC Braga tem um livre perigoso, mas Ana Barrinha atira por cima.

 

As equipas jogaram da seguinte forma:

SPORTING – Patrícia Morais; Rita Fontemanha, Matilde Figueiras, Catarina Lopes e Joana Marchão; Tatiana Pinto, Fátima Pinto e Sara Granja; Ana Borges, Diana Silva e Solange Carvalhas.

Suplentes: Inês Pereira, Ana Capeta, Bárbara Marques, Nadine Cordeiro, Amélia Pereira e Constança Silva.

Treinador: Nuno Cristóvão.

SPORTING DE BRAGA – Rute Costa; Géssica, Sílvia Rebelo, Andrea Mirón e Ana Barrinha; Cristiana Garcia, Jéssica Silva e Pauleta; Vanessa Marques, Andreia Norton e Mélissa Antunes.

Suplentes: Ana Rita Oliveira, Edite Fernandes, Cláudia Garcia, Natália Sánchez, Sara Basil, Ottília Lívia e Adriana Gomes.

Treinador: João Marques

Final da Taça de Portugal, Sporting CP vence o SC Braga por 2-1(A.P.), conquistando assim a dobradinha da época 2016/2017.

 

Sporting CP

 

Texto: Paulo Delfino Cruz

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.